5 dicas para reformas eficientes e com baixo custo

Não é preciso fazer grandes investimentos para criar um espaço mais bonito, saudável, prático e funcional. Afinal, não é todo mundo que tem dinheiro sobrando na carteira para fazer reformas nos espaços da casa. Por isso, se você quer dar um ‘’up’’ no seu imóvel sem gastar muito, temos algumas dicas para você reformar a sua casa sem causar prejuízos financeiros. Confira! 1. Tenha um planejamento Antes de mais nada, é preciso saber onde e o que você realmente deseja realizar as reformas. Pode parecer besteira, mas muita gente inicia uma obra sem saber o que se espera dela. Ao planejar o processo de reforma, procure dividir tudo em etapas. Com isso, você consegue mapear os custos e controlar o tempo da obra. E, além do mais, se algo sair fora do planejamento, você consegue perceber a tempo para alterar. 2. Defina um limite de orçamento Para evitar que o investimento da reforma seja alto, procure estabelecer um limite financeiro. Pesquise as lojas, os materiais, valor da mão de obra e negocie. Pense também nos custos adicionais, como a água e luz. Dependendo do tamanho da sua obra, os gastos nesse sentido podem ser intensificados. O ideal é guardar uma reserva para que o investimento não saia tão caro para o bolso. 3. Monte um cronograma Como mencionamos anteriormente, em uma reforma é preciso ter o controle do tempo. Inclusive, é nesse momento que o cronograma entra. É fundamental estabelecer os prazos, os processos e todas as etapas que devem ser cumpridas. Tudo precisa ter uma data para começar e terminar, até os mínimos detalhes, como a instalação de um filtro plissado, entre outros. Para isso, o calendário pode ser o seu melhor aliado. Defina as datas de início de cada etapa de trabalho e quando elas devem ser finalizadas. Cada detalhe precisa ser incluído nesse cronograma. 4. Compre materiais de qualidade Outro forma de economizar que pode trazer muitos problemas é a qualidade dos materiais. Por isso, nesse momento, procure responder o seguinte questionamento: o barato pode sair caro? Não vale a pena comprar materiais baratos, se terão que ser trocados em um curto período de tempo. Além disso, você pode proporcionar insegurança e desconforto a sua família com a falta de proteção desses produtos 5. Mantenha tudo limpo e organizado Se você está evitando gastos desnecessário, comece mantendo o ambiente limpo e organizado. Reformas desorganizadas são sinônimo de sumiço de martelo, prego, parafuso, entre outros materiais fundamentais para um reforma. Além disso, devemos considerar os desperdícios que acontece durantes os processos de uma obra. Sendo assim, garanta que as ferramentas e os materiais sejam guardados corretamente no final do dia.

5 dicas para reformas eficientes e com baixo custo
 
232094115287057